All for Joomla All for Webmasters

Vamos considerar que os pensamentos e idéias humanas já existem no mundo da idéias, como sugerido por Platão, porém ampliando um pouco a percepção Platoniana, no sentido de que neste mundo das idéias encontrar-se-iam as formas-pensamento emitidas pelos homens do nosso mundo concreto. Supondo ainda que pudéssemos fotografar este mundo alternativo, onde se plasmariam os pensamentos humanos, é inegável que, nesta época do ano em que se "comemora" a Paixão de Cristo com tantos feriados santos e ritualismos, as imagens captadas nas fotografias do mundo das idéias não seriam nada agradáveis.

Posso até imaginar! Um homem sendo indefinidamente crucificado, torturado com açoites, coroa de espinhos e tantas outras formas de depredação da criatura humana.

É triste perceber o quanto a humanidade valoriza a dor, o sofrimento e a violência em detrimento do amor, da paz e dos bons conceitos e idéias.

Jesus não tinha como objetivo de vida na Terra sofrer, pelo contrário demonstrou idéias e pensamentos muito nobres e inovadores, mas por defender estas idéias consideradas revolucionárias, ou por não se adequar aos padrões exigidos, foi julgado e condenado de acordo com as penas de sua época. Tantos outros foram também crucificados, queimados e torturados na história da humanidade por não se enquadrarem aos padrões ou por idéias inovadoras defendidas.

A humanidade deveria se construir pela valorização, reflexão e aplicação das boas idéias deixadas por Jesus, como a máxima do amar ao próximo como a si mesmo, e não pelo martírio. Afinal, por que precisamos tanto de mártires? Por que exaltamos tanto o sofrimento?

Isso reflete o que os homens ainda carregam em si, como a violência. É muito mais fácil representar e valorizar o sofrimento e a violência cometidos com outros que aplicar na vida diária as boas idéias de amor, perdão, paz e alteridade. Mas somente a vivência destas idéias, trazidas a tantos séculos por Jesus, e por tantos outros grandes homens que já passaram por aqui, é que auxiliam no progresso dos homens, e são capazes de alterar nossa imagem ainda tão negativa não apenas no mundo das idéias, mas no mundo cotidiano, no trato diário com os outros e principalmente do interior de cada Ser.

Back to top